terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Berro - Ednardo - 1976



01 - Berro
Ednardo
02 - Artigo 26 
Ednardo
03 - Franciscana 
Ednardo - Roberto Aurélio
04 - Passeio público 
Ednardo
05 - Longarinas 
Ednardo
06 - Abertura 
Ednardo
07 - Vaila 
Ednardo - Brandão
08 - Classificaram 
Ednardo - Brandão
09 - Padaria espiritual 
Ednardo
10 - Sonidos 
Ednardo
11 - Estaca zero 
Ednardo - Climério

*************************

Eis o segundo LP solo de Ednardo. O nome do disco era para ser "do boi só se perde o berro", com o título diminuído na capa, restou o destaque para a palavra BERRO. Efeito de simplificação por conta da ação dos censores? Longe de ser uma lenda, o fato é que as composições de Ednardo vez ou outra foram alteradas por causa desses ditatoriais "coautores". Berro é uma verdadeira (e merecida) puxada de orelha contra a hegemonia musical exercida pelo eixo Rio-São Paulo. A faixa "Artigo 26" e "Padaria espiritual" são homenagens a um movimento literário que marcou época no Ceará do final do século dezenove. Destacamos "Passeio público", faixa que nos chama a prestar atenção em berros alheios.

O Homem Traça diz: ROAM!


 

Passeio público

2 comentários:

canto potiguar disse...

Discão

Homem Traça disse...

Opa! Que bom que gostou!

Abração!