domingo, 29 de julho de 2012

Monjolear - Dércio Marques - 1996





1 - Meninos - Sabiá Laranjeira
Juraildes da Luz - Domínio Público
2 - Duerme Negrito - Cantiga de Ninar
Domínio Público - Recolhido por Atahualpa Yupanqui
3 - Projeto Beija-flor

4a Série - Doroty Marques

4 - Os Carneirinhos
Cecília Meireles - Xangai - Hélio Contreiras
5 - Bem-te-vi - Passarinho do Amor
Domínio Público - Recolhido por Doroty Marques
6 - Fazenda maluquinha - Era uma vez
Lúcio Eustáqui Alves - josé Agostin Goytisolo - Dércio Marques
7 - Batuque dos meninos do cerrado
Criação de Marcos da Silva (Cazuza) sob o Rap do Cerrado
8 - Formiguinha 
Loni Rosa
9 - Rap do Cerrado
3a Série 1996 - Doroty Marques
10 - Rap do Adolecer
5a Série 1996 - Doroty Marques
11 - Não jogue lixo no chão
Vital Farias
12 - Congo - Tá caindo fulô 
Domínio Público - Recolhido por Doroty marques
13 - Dois Cantos de Caiapó 
Domínio Público - Caiapós recolhido em Oliveira e Ibiraci por Rossini Tavares de Lima
14 - Embola Embola 
Domínio Público - Recolhido por Doroty Marques 
15 - Ciranda

Manuelita - Grupo agreste 

16 - Ser Criança 
Darlan Marques 
17 - Os carneirinhos 
Cecília Meireles - Xangai - Hélio Contreiras 
18 - Tributo a um casarão

Lúcio Eustáqui Alves 

19 - Folia de Reis - Pena Branca 
Uberlândia - MG 
20 - Monjolear 
Pré-Escolar 1996 
21 - Meninos - Sabiá Laranjeira 
Juraildes da Luz - Domínio Público 
22 - Canticos - Recolher 
Gildes Bezerra - Dércio Marques - Arthur Andrade


Músicos
Beatriz Izar - Beatriz Ramsthaler - Daniela Lasalvia - Katia Teixeira - Dércio Marques - Zé Gomes - Isac de Souza - Ricardo Santos - Doroty marques - Marcos da Silva (Cazuza) - Anderson de Oliveira - Guru Martins - Bráulio Barral - Augusto Cesar Guimarães - Jaime Lemes - Andréa Daltron - Confraria Bazófia - Ricardo Bordini - tito baiense - Ton-ton Flores - Mônica Albuquerque

*******************************************

Cantar com as crianças, ideia simples, que sempre dá prazer.

O Homem Traça diz: ROAM!

   

Os Carneirinhos

3 comentários:

Vagalumeazul disse...

Bem bonito.

Anônimo disse...

Parabéns por resgatar vários trabalhos desse artista, que, para variar, é desconhecido do grande público - mas que tem um talento inquestionável, cuja morte não apagou e nunca apagará enquanto existirem blogs de cultura musical igual ao do Homem Traça e tantos outros.
Élcio

Homem Traça disse...

O desaparecimento de Dércio, de fato, é uma perda para a música e para a humanidade. Um estrela que se apaga, mas que tentaremos manter o brilho nessas humildes prateleiras.

Abraço aos visitantes e roedores contumazes!